O paraíso do ratinho!

Eu estava a fim de usar unha amarela mas queria fazer uma nailart… Primeira coisa que pensei: queijo!

Comecei esmaltando com o Alegria (Panvel). Usei 3 camadas fininhas pra cobrir completamente.

DSCN0952

 

Em seguida, usando o cabo do pincel, fiz bolinhas aleatórias usando o esmalte Ancara (Colorama).

DSCN0953

Em seguida, com o mesmo cabo de pincel e o mesmo esmalte amarelo usado na base, faço bolinhas amarelas sobrepondo as beges, deixando apenas uma parte aparecendo. Isso cria um efeito de profundidade, como se fossem mesmo buraquinhos no queijo.

DSCN0954

No final, o top coat nivela essas bolinhas, não se preocupem! 😉

Em seguida, usando o esmalte Dree (Hits), desenho um pequeno triângulo, que será o corpinho do ratinho.

DSCN0955

Depois faço uma bolinha no topo pra ser a cabeça.

DSCN0956

 

Em seguida desenho o focinho, puxando um triângulo pra lateral.

DSCN0957

Duas bolinhas sobrepostas para as orelhas e um rabinho…

DSCN0958

Com tinta acrílica preta (ou esmalte preto) faço uma bolinha pro olho e uma pro focinho.

DSCN0959

Com o esmalte Ancara (Colorama), fiz uma bolinha pra ficar como a parte de dentro da orelha, onde não tem pelinho, sabe?!

DSCN0960

Eu poderia terminar aí, mas como sou exagerada, resolvi desenhar mais ratinhos nas outras unhas! hehehe

DSCN0962

Apliquei uma camada de top coat (Ideal) e pronto!

DSCN0961

Eu adoro ratinhos, acho fofos e injusto que façam mal à saúde… hehehe!


DSCN0964

 

Quem se anima  a fazer? 😛

Vídeo: Como preparar as cutículas para esmaltação

E a pedidos, o vídeo ensinando como eu faço pra manter minhas cutículas no lugar já está no ar!

Acho que o áudio ficou melhor dessa vez… hehehe! Aos pouquinhos vou pegando o jeito! 😉

Enfim, espero que gostem e que as dicas sejam válidas. O vídeo tem bastante falatório, mas nao tem como fugir disso nesse assunto, ne?!

Então separem uma toalhinha, amolecedor de cutículas, espátula, alicate e ‘bora aprender!

E quem gostar, favor clicar em “gostei” ali no vídeo e se inscrever no canal pra receber os vídeos em primeira mão e não perder nenhum! 😉

Beijooo

Fitinhas, caviar e paciência, muita paciência!

Hoje vim ensinar a fazer as unhas mais simples e demoradas da história! hehehe

Comecei esmaltando com o Royal, da Revlon.

DSCN0921

 

Em seguida, apliquei aquelas fitinhas autocolantes usando um alicate de unhas para cortar. O esmalte de base ainda não estava totalmente seco, então aproveitei para pressionar bem as fitinhas com um palito pra que ficassem meio “enterradas” no esmalte.

DSCN0922

 

Agora vem a parte da paciência. Você vai precisar de um pincel pequeno, um potinho com água e um potinho com o caviar.

DSCN0923

Molhe o pincel na água e em seguida encoste em uma bolinha. Assim ela gruda no pincel e você pode posicionar no local desejado na unha.

DSCN0924

 

Trabalhe em uma unha de cada vez. aplique uma camada de top coat que não seja de secagem rápida. Eu usei aquele com cheirinho de menta da Colorama. Se usar os de secagem rápida, a fitinha “encolhe” e acaba levantando as pontinhas. E como esse top coat demora um pouquinho pra secar, você terá tempo pra ir posicionando cada uma das bolinhas no local certo. Agora é questão de paciência mesmo. Vá posicionando as bolinhas em linha reta, mantendo uma distância semelhante entre cada uma.

DSCN0925

 

Depois, pressione com um dedo para “enterrar” um pouco as bolinhas no esmalte. Tome cuidado pra não “movimentar” as bolinhas ao pressioná-las com o dedo.

DSCN0926

 

Para finalizar, uma camada bem generosa de um top coat de secagem rápida. Usei o meu queridinho de sempre, da marca Ideal. Aplique uma camada grossa pra que as bolinhas fiquem o mais protegidas possível.

DSCN0930

 

Com o passar dos dias, a tinta prateada das bolinhas vai saindo devido ao atrito, mas as bolinhas se mantêm no lugar!

DSCN0927

Levo 2 horas pra fazer essas unhas em uma cliente (entre lixar, fazer as cutículas, esmaltar e limpar), mas o resultado é lindo, ne?! Pra uma ocasião especial vale super a pena! Imaginem pra uma noiva, usando uma cor clarinha como base! *___*

DSCN0931

 

Ah! Testei com o caviar dourado e não deu certo… A tinta dourada se desfaz ao aplicar o top coat e acaba manchando o esmalte.

Quem se anima a fazer? Não esqueçam de me marcar nas fotos do Instagram (@melissagmenezes)!

 

Anoitecer na cidade…

Oi, gurias! As unhas de hoje são a continuação do tutorial que fiz em vídeo.

Se alguém ainda não viu, segue:

Quem gostou, por favor, não esqueça de clicar em “gostei” e também se inscrever no canal que ainda essa semana tem vídeo novo!

Os esmaltes usados no tutorial pra fazer o ombré são esses:

DSCN0919

Com a base pronta, fiz uma francesinha com esmalte preto. Não precisa ficar bem certinha. As minhas ficaram assim:

DSCN0913

 

Em seguida, com um pincel para nail art e tinta acrílica preta, fui desenhando contornos de prédios. Quanto mais irregular a altura entre os prédios, mais legal fica! Pode usar esmalte preto, claro, só acho mais fácil trabalhar com tinta acrílica.

DSCN0915

 

Depois de todos os contornos concluídos, preenchi com a mesma tinta preta e apliquei top coat em seguida.

DSCN0916

 

O resultado final é esse! Um anoitecer na cidade!

DSCN0917

 

Gostaram?

DSCN0918

Quer tutorial em vídeo? Hoje tem!!!

E depois de muitos pedidos, resolvi fazer meu canal no Youtube pra postar tutoriais em vídeo!

O primeiro vídeo ainda tá bem amador, o áudio ficou uma caca (eu e o Movie Maker ainda estamos com problemas na nossa relação e eu consegui piorar o volume durante a edição! Sorry!!!) mas fiz com carinho e espero que vocês consigam entender como fazer as unhas ombré! Prometo que o próximo vídeo vai ficar melhor! Tenham um pouquinho de paciência comigo, tá?!

Enfim, obrigada a todas pelo incentivo e pelo carinho!

Aceito sugestões para os próximos vídeos, ok?! Não esqueçam de se inscrever no canal!

🙂

Tutorial: Flores negras

Oi, gurias! Depois de ter postado uma fotos das unha da Isa no meu Instagram (@melissagmenezes), choveram pedidos de tutorial para as rosas negras.

A inspiração foi da talentosíssima @lieve91 que não se cansa de fazer as manis mais incríveis!

Pra começar esmaltei com o Aquarius (Big Universo) no indicador e nas outras unhas usei o fofo Sonho de Algodão (Impala). O esmalte é um tom de rosinha antigo lindoooo, em mãos branquinhas deve ficar tipo um nude rosado. Usei 3 camadas, mas se não passar com cuidado provavelmente são necessárias 4 camadas… O esmalte é bem ralinho… Bora melhorar essa fórmula, Impala?!

DSCN0878

 

Com um pinel fininho para nail art (em lojas de artesanato pode-se comprar pincel número zero) e tinta acrílica, comecei a desenhar a flor e fiz um caule comprido ao lado para compor a cena.

DSCN0879

 

Acima da base da flor, desenhei mais duas linhas até o centro. A linha deve ser meio tremidinha pra ficar natural e a pontinha virada pra cima.

DSCN0880

 

Repeti o processo do outro lado.

DSCN0881

 

Em seguida fiz um traço tremido no centro:

DSCN0882

 

No centro, fiz uma letra “G” deitada, assim:

 

DSCN0883

 

Depois vou preenchendo o topo com letras “C”:

 

DSCN0884

 

Faça as linhas até completar o desenho e ficar natural.

 

DSCN0885

 

Nas outras unhas, segui os mesmos princípios, mas desenhando em alturas diferentes, com mais folhinhas e caules. finalize com top coat.

DSCN0887

 

Para fazer essas flores não é necessário ter mãos muito firmes, já que os traços são bem tremidinhos, ne?! qualquer uma pode tentar! E dá pra aproveitar esse design em outras nail arts, trocando as cores de fundo (já tô aqui pensando que ficaria lindo num ombré amarelo/laranja, tipo por do sol, ne?!) e a combinação das flores. No dedão, apliquei 3 strass pretinhos pra compor.

DSCN0888

 

Quem se anima?

Desmistificando o Bepantol

Ai, gente! Doeu ler essas “verdades” sobre meu sempre tão recomendado Bepantol… Preciso buscar alternativas urgentemente!!! Uso Bepantol nas cutículas, lábios, olhos… E nunca usei nada que se compare! Vou procurar alternativas já!!! Vale muito a pena ler esse post, viu?!

Lookaholic

052

Antes de mais nada, para quem não conhece, vou apresentar: o Bepantol é uma pomada grudenta que mela a pele e não absorve nunca que promete conferir alto poder de hidratação, cicatrizar tatuagens, queimaduras, acalmar a pele, etc. Acho que a maioria aqui já teve contato com essa pomada alguma vez, é bem famosa entre as blogueiras.

Confesso que na época do boom do Bepantol Derma até eu me rendi, principalmente pela falta de informação. Hoje ele não faz mais parte da minha realidade por inúmeros motivos: o preço, o fato da Bayer não ser cruelty-free, a composição do produto (é sobre isso que vou falar hoje) e, principalmente, pelo fato de eu ter descoberto inúmeras alternativas tão hidratantes quanto (manteigas vegetais puras).

019dep

A que se deve esse poder todo do Bepantol? O que está por trás dos ingredientes? Aproveitei que eu já tinha a composição do produto há muito tempo…

Ver o post original 536 mais palavras

Tutorial: “Como cortar pela raiz… Se já deu flor…”

Oi, gurias! Sei que muitas de vocês começaram a me acompanhar há pouco tempo e não sabem da minha paixão eterna pela Sandy! Pois é, eu amo desde “Maria Chiquinha” e pra sempre! Já fiz loucuras na época de Sandy e Junior, apareci na TV, esperei 18 horas na frente de um estádio pra ver um show (oi, fãs do Justin Bieber! Entendo vocês!), perdi as contas de quantos shows fui, etc. Amo, amo, amo mesmo!

Enfim, imaginem minha felicidade quando vi que  minha música favorita do novo CD estava na trilha sonora da novela! 😀 Pra quem ainda não ouviu (ou pra quem não se cansa de ouvir como eu!), segue a apresentação ao vivo (com direito ao maridinho Lucas Lima no violino!):

E as unhas de hoje são inspiradas nessa música!

Comecei aplicando o Sapatilha (Avon) em todas as unhas. É meu azul mais clarinho, acho super fofo! É bem pigmentado e cobre completamente com duas camadinhas!

DSCN0792

 

No indicador, usei um pincel para nail art (número zero) e tinta acrílica preta para escrever a primeira frase da música. Aqui não tem jeito, precisa ter mão firme mesmo. Usar a tinta acrílica é mais fácil que o esmalte porque não seca tão rápido, com o esmalte ele começa a engrossar e começa a formar “fios” entre uma letra e outra.

DSCN0793

 

Em seguida, com o mesmo pincel pequeno e o esmalte rosinha Montana (L’apogée), fiz bolinhas em todas as unhas. Elas serão as bases para as florzinhas vintage.

DSCN0794

 

Com o pincel pequeno e o esmalte Rosa Incrível (Colorama), fiz pequenos risquinhos para dar forma às flores. Tem um tutorial bem explicadinho de flores aqui.

DSCN0796

 

Agora usei o Verde Esmeralda (Risqué) para fazer as folhinhas.

DSCN0798

 

Acho que assim fica tipo estampa de lençol antigo, ne?! Acho uma gracinha! ❤

Com o pincel pequeno e a tinta acrílica, escrevi o resto da frase com letras maiores ocupando as outras três unhas.

DSCN0800

 

Finalizei com top coat (continuo usando o da Ideal!) e amei o resultado!

DSCN0802

 

No dedão ficaram só as florzinhas…

DSCN0804

 

“Como cortar pela raiz… Se já deu flor…”

DSCN0805

 

E aí, gostaram? Dá pra se inspirar em outras músicas, ne?! Será que a Sandy vai curtir??? ❤

Beijooo

Minha experiência com Latisse/Bimatoprosta

Oi, gurias! Hoje o assunto aqui no blog não são unhas, mas cílios. A genética economizou nos meus pelos e meus cílios e sobrancelhas são uma miséria! Thanks, mom! Isso sempre me incomodou muito e eu sempre busquei máscaras de cílios que fizessem tudo: alongassem, dessem volume e curvassem muito as pestanas. Meus cílios são tão curtinhos que são até difíceis de pear com o curvex! Nada ficava realmente como eu queria.

A primeira vez que ouvi falar sobre o Latisse foi há 5 anos, quando morava nos EUA. Na época havia muita especulação sobre o produto e muita gente dizia fazer mal, que manchava os olhos, que causava glaucoma, etc. Não achei que valia a pena arriscar e continuei com meus cílios pobres. No ano passado o Latisse chegou ao Brasil e fui pesquisar novamente sobre o assunto. Dessa vez as pesquisas retornaram informações muito positivas além das fotos de “antes e depois” impressionantes! Google it!

Encontrei o kit Latisse pra vender na minha cidade e não resisti: desembolsei os R$135,00 por um vidrinho de 3 ml (TRÊS MILILITROS!!!!!) do produto numa caixa enorme com 100 aplicadores. De cara achei um absurdo aquele monte de aplicador, mas segui as instruções certinho. É um aplicador para cada olho em cada aplicação! Enfim, o kit é para um tratamento de 50 dias. Você aplica uma gotinha do produto no pincel e passa na raiz dos cílios superiores, como se estivesse aplicando delineador, sabe? É como se fosse uma água e logo a pela absorve o produto. Aí você joga o pincelzinho fora, pega outro e faz a mesma coisa no outro olho. Tipo, um desperdício! heheheheh

Latisse-produto

A ação do produto consiste em manter o pelo mais tempo preso à raiz, dando tempo para que ele cresça até seu limite máximo. Quem tem cílios curtinhos, normalmente é porque os pelinhos caem antes de chegar ao seu tamanho final. Realmente depois de 15 dias se começa a perceber o resultado e dentro de um mês eu já sentia meus cílios balançarem no vento! Quem tem cílios curtinhos sabe que isso nunca acontece! Vocês não imaginam a emoção! hahahha! Daquela vez só fotografei os resultados com o iphone (desculpem pela montagem tosca, não salvei as fotos originais, só sobrou a montagem mesmo! hehehe!) e não comprei um segundo kit em seguida. Senti que o resultado se manteve por cerca de mais um mês, depois senti que meus cílios voltaram ao normal (miseráveis!).

IMG_6055

Eis que mês passado, pesquisando preços do Latisse novamente, descobri que é possível comprar o colírio de bimatoprosta por cerca de R$30,00 o mesmo frasquinho de 3 ml! Apenas sem os aplicadores! Não hesitei e comprei! A porcentagem de bimatoprosta é exatamente a mesma do Latisse (0,03%), mas o produto é vendido como colírio para quem trata glaucoma. Se fizer a aplicação da mesma maneira que o Latisse (usando um pincelzinho e aplicando na raiz dos cílios, como um delineador) o efeito é o mesmo! Usei esse mês e olhem a diferença:

latisse

 

A primeira foto é de quando comecei o tratamento, a segunda foto é dessa semana, um mês depois de ter começado, e a terceira foto é com máscara de cílios (“Extra Volume” da Vult, que na verdade alonga…). A diferença é beeeeeeeem visível, né?!

Dessa vez eu apliquei Bepantol abaixo dos olhos (na região das olheiras)  até as têmporas sempre antes de aplicar o produto todas as noites. Isso porque se o produto escorrer um pouquinho (ou, no meu caso, que lacrimejo dormindo/bocejando) pode fazer os pelinhos do rosto crescerem também! Aconteceu com minha mãe (aquela penugem que temos no rosto, na minha mãe, logo abaixo dos olhos ficou mais escura/grossa!) então resolvi proteger a região com o Bepantol e super recomendo, viu?! Usei apenas um pincelzinho (que tinha guardado do kit antigo de Latisse) durante todo o tratamento e não tive problema nenhum. Sempre tomei muito cuidado pra não cair produto dentro dos olhos. Não tive nenhum tipo de escurecimento de pálpebra nem manchas nos olhos em si.

No F-utilidades tem um post bem explicadinho sobre o Latisse, para ler, clique aqui.

Enfim, realmente o produto cumpre o que promete, os cílios ficam mais escuros, encorpados e bem mais longos. Financeiramente falando, comprar o colírio de bimatoprosta vale mais a pena que comprar o original Latisse. O problema é que pra manter o resultado precisa usar pro resto da vida… Recomendam que pra manter pode-se aplicar dia sim, dia não… Então o frasquinho duraria pelo menos uns 3 meses… Sairia tipo R$10,00 por mês… Bem válido, ne?!

A bimatoprosta também funciona com eficácia em sobrancelhas e cabelos, desde que haja bulbo! Se não tem nem sinal de pelo, não adianta passar, viu?!Mas se os pelinhos estão bem fininhos/clarinhos, o resultado é muito bom! Mas pra tratar calvície sai bem caro, ne?! Nos EUA os laboratórios já estão estudando uma maneira de fazer a bimatoprosta para tratamento de calvície, mas com uma fórmula que fique um pouco mais acessível.

Acho que falei tudo, gurias! Quem tiver alguma dúvida, por favor deixe nos comentários, ok?!

E aí, alguém se animou a usar? 😉